quinta-feira, 30 de maio de 2013

SNACK STWD, Funções À Bordo

Pensando em ajudar com informações para aqueles que estão se preparando para embarcar, eu procurei alguns amigos que foram trabalhar a bordo, que gostaram e vão voltar, e pedi a eles para falarem um pouco sobre a função, o dia-a-dia, prós e contras, compartilharem sobre a experiencia e assim, informar aos que também vão entrar nesta Vida;

Esclarecendo que  o depoimento é pessoal, uma experiencia pessoal

SNACK STWD - 


Fale sobre você :

Meu nome é Bárbara, tenho 21 anos agora, quando embarquei 20, sou de Vitória, capital do Espirito Santo.



Como foi o processo de embarque? 
"Momento de mamagaio no room dos housekeepers, pizzeria team!"

O meu processo de embarque foi bem normal, igual aos de todos os tripulantes creio, ao menos os tripulantes que tem que se deslocar, fiz entrevistas pelo skype com a agencia, duas agencias no caso, ISM BR e Infinity, pela ISM fui aprovada com Assistant, pela Infinity, snack... não procurei me informar mais e nem procurar por mais agencias, só estava interessada em embarcar, algo que poderia ter me ajudado na epoca com toda certeza teria sido a informacao e pesquisa. 



Como foi o dia do seu embarque? 
Foi uma correria! É claro, porque você sai cedo do hotel, no caso eu havia ficado em um hotel em Genova, e de lá fomos até Savona, pegamos um onibus cheio de tripulantes, a maioria filipinos e indianos, e aquilo ja estava sendo muito engraçado pra mim como tripulante de primeira viagem, depois chegamos ao porto e passamos a mala no raio X do porto, e ficamos esperando naquela fila interminavel na gangway para entrar no navio, estava um frio horrendo, não sei se era tão frio ou a falta de costume da brasileirinha aqui ao o inverno europeu chegando, mas era um frio de matar, e nunca chegava a minha vez para embarcar naquele lugar, a tensão a mil. 
Daí depois que entramos, a crew purser, na epoca minha paisana, não citarei nome, mas nem um pouco hospitaleira, nos leva pela primeira vez ao trainning room, lá somos recebido pelo Safety officer, que pega os nossos documentos, STCW, tudo e faz um tour com a gente pelo navio, de lá, voltamos para o training room e é a hora de entregar os documentos para o médico, aconteceu um baita perrengue comigo esses dia, quase achei que iria desembarcar, ou até mesmo ir de trem para uma outra cidade, segundo a crew purser, porque entreguei os exames com a data vencida, mas oque aconteceu é que eu tinha feito 2 exames, e o primeiro realmente havia vencido os 15 dias, gracas a jah eu tinha tudo salvo no meu email, e nada precisou ser feito. 

"Mamagaio as 9 da noite no por do sol"


Enfim, de lá, não sei oque fui fazer, até que fui encaminhada para minha cabine, chegando na minha primeira cabine, porque mudei depois de um tempo, para a minha maravilhosa e enterna casinha, que foi a minha cabine no Serena, cheia de lembrancas, cheguei a cabine e a menina que eu ia substituir ainda estava lá dormindo, na verdade as duas estavam lá dormindo, cheguei fazendo barulho, rindo e conversando com as duas, enquanto estavam dormindo, é lógico que elas ficaram bem putas comigo, oque eu não entendi o porquê, achei uma falta de hospitalidade na epoca, hahahaha... 

Sem entender que eu era mesmo a sem noção, e que nunca em hipotese alguma deve se perturbar o sono alheio. Depois, acredito ter ido trabalhar, mas não me recordo bem, chegando ao trabalho, o qual iniciei as 17 horas daquela dia, já foi uma loucura e um choque inicial, mas fui com todo o gás, se me lembro bem, fui apresentada ao segundo maitre, que era um porco, e tentava aliciar todas as garotinhas inocentizinhas recém chegadas, mas aquilo eu já tinha sacado, mal sabia eu que tudo no navio acontecia daquele jeito. Acho que fui colocada para limpar quando cheguei, e fiquei limpando mesa, incrível como esqueci tantas coisas do primeiro dia de trabalho, e como todo recém chegado, fui para a pizzaria team, o que sou eternamente agradecida até hoje, por aquele team, que se tornaram meus irmaos naquela epoca, e o meu supervisor era um pai para mim. Mas chegando de enrolacao e pra não deixar o texto tão longo, porque acredito que qualquer dia no navio é longo demais para se escrever, o primeiro dia então, deve ser o mais longo de todos, o engracado é que naquele dia, em vez de ir dormir e arrumar a minha cabine, eu fui ao crew bar depois do expediente, e foi muito engracado, porque eu ja me senti bem confortável naquilo, é claro, eu queria tirar o máximo e saber o máximo daquela experiencia, quando falavam comigo que nunca haviam me visto e perguntavam ha quanto tempo eu estava embarcada, eu respondia que havia embarcado naquele dia, e todos morriam de rir, "Já tá no crew bar??" "IH, essa é das nossas! " disseram que eu iria me acostumar bem, a acredito ter me acostumado mesmo. O dono do blog me apelidou logo na primeira semana de "Mafiosa" hahaha, porque a gente tem que aprender a se virar e dar os seus pulos, na primeira semana eu já me virava, sou ligeira.

"Passanger area, mais um momento de mamagaio"
Como é o dia –a –dia da sua função? 
O dia-a-dia no snack stewardess é digamos, pesado. 
Eu como não sabia nada daquilo no comeco, fiquei perdida. 
Bom, os primeiros meses para mim foram mais tranquilos, porque eu era "pizzeria team", muito dizem que a pizzeria team é mamagaio, e até eu concordava com isso depois que fiz o "breakfast", sim, dependendo é mamagaio mesmo, e para quem não sabe, mas com certeza se você embarcar usará demais, mamagaio é enrolacao, é tranquilidade, suave na nave... 
O pizzeria team comeca a trabalhar no almoco, ou pela tarde, no caso, nao faz o tea time, e o café da manha, ou até fazer o tea time, dependendo do scheduele, eu não fazia, comecava ao meio dia e terminava as 15:30 da tarde, ia para o meu break e voltava as 19 horas da noite para terminar as 2:30 da manha, o que dependendo do seu supervisor, você não precisa terminar nesse horario, geralmente tudo é limpado correndo depois que a pizzeria fecha a 1 da manha e vamos embora as 1:30, mas isso depende muito do supervisor! Tive dois supervisores maravilhosos na pizzeria, que nunca esqueci, um filipino, o que é uma raridade, porque filipinos geralmente são basura! e um peruano, muito do louco, o meu pai! Respeito muito os dois e sinto uma falta imensa. Pois bem, então se vc é pizzeria team, no almoco, você vai para alguma linha, no caso, você é responsável por repor comida daquela linha, não comida que os cooks colocam, porque eles repoem isso na sua linha, e você snack, acaba fazendo muita amizadade com os cozinheiros, que são em sua maioria, muito legais! Pessoas incríveis. 

Você geralmente repõe o pao para o hamburguer, a maioneses, o ketchup, as frutas e a salada, a comida de verdade, preparada na hora, quem repões são os cooks, e se sua linha fecha antes do seu horario de saída, você deve limpa-la, antes de ir, oque eu quase sempre nunca fazia, porque a responsável pela linha não era eu, e sim e menina do breakfest, muito comodo para ela seria chegar em seu horario de limpar linha e achá-la todo limpa por mim, então eu mamagaiava demais, até dar a hora de ir embora e deixava a linha sim, para ela limpar, não sou idiota. Bom, chegando no horario da noite, a pizzeria team é bem tranquilo, porque quase ninguém fica no buffet, que é aonde o Snack trabalha, é o lugar que você trabalha pelo resto do seus dias no navio, sem rotacao alguma, e isso é um inferno, por isso que é bom fazer training no restaurante, porque vc abre a sua mente naquela coisa fechada do buffet, ainda mais se você quer ser promovido a Assistant, oque não era interesse nenhum meu, trabalhar mais, pegar mais no pesado, para ter uma promocao de um cargo que eu não almejava! 
Mas ai é critério de cada um. 

Bom, a noite a gente basicamente limpa as poucas mesas que existem, fica de mamagaio, e se é temporada Europeia, a pizzeria a la carte é montada, eu era responsável pela pizzeria, era o meu sidejob, oque no caso, cada um tem os seus sidejobs, alguns são encarregados pelo bambini, isso na Costa! 
Que é a pessoa encarregada de servir o jantar das criancas, e tea time, e tudo relacionado a elas, tem o encarregado do silver, que seriam os talheres, tem o encarregado pelo aspirador, que é o mais cruel de todos, porque ele passa o aspirador em todo o buffet, toda a noite, geralmente isso só os homens fazem, mas o meu ultimo supervisor dizia que não via problema nenhum em mulher passar o aspirador no buffet inteiro, mas esse cara era um colombiano bossal. 

Estou falando demais, "breakfest team" os que mais se fodem, trabalha demais, quando eu era breakfest, o um mês que fiquei, me tornei um zumbi, mas me diverti muito. Era um inferno, porém um agito só. Você acorda cedo, dia de embarque, 5 e meia da manha tinha que estar no buffet, depois vai para o break as nove ou nove e meia, volta ao meio dia, depois vai ao break as duas e meia, depois volta as cinco, é um inferno, o seu dia é todo cortado, dificilmente da para sair nesse horario, e quando você sai, você nçao tem muito tempo e não dorme. Isso me deprimia nesse horario. Mas existe a possibilidade de fazer o horario straight, oque é melhor, você acorda cedo,e trabalha até meio dia, daí só volta as 17 horas da tarde, era uma alternativa melhor. E se você é breakfest team, você terá que limpar, limpar e limpar, pelo resto da vida. Você tem uma linha pela qual é responsável, e tem que limpá-la, sempre, todos os dias, e todos os dias vão inspecioná-la e nunca esta limpa o suficiente, você se mata por aquele troço e nunca está bom. Enfim, mas você termina cedo, as 10 horas já pode ir embora, é claro, se tiver terminado de limpar a linha e ainda por cima, fazer o seu sidejob, que no caso é uma tarefa extra no buffet que você é responsável, que geralmente são limpar todas as janelas imensas do buffet, ou passar mop, que no caso é aquele esfregão, ou sanitizar mesas, que é o mais tranquilo, entre varias outras tarefas , sua tarefe é limpar e limpar. Daí voce sai as 10 hrs, vai para o crew bar, mas tem que dormir cedo, porque tem que acordar cedo no outro dia, oque eu nunca fazia no breakfest, rs e estava sempre um zumbi no outro dia. Tempos muito bons. 

"É  O momento da pizza depois do expediente, dependendo do supervirsor nem pensar! Essa foi a epoca de ouro da pizzeria! Saudade"
O que você não pode esquecer? 
Bom, a gente não podia esquecer nunca em hipotese alguma de contar tudo as nossos chefes do buffet, que são muitos, isso é um inferno, ter muito supervisor, você se sente uma barata tonta, porque eles própios não se entendem, e querem que nós entendamos. Também, o termometro, para medir a temperatura da comida, se vc esta sem, e dependendo do F and B ver, é warning, e bla bla bla, vc n pode esquecer de luvas, na verdade vc não pode esquecer de um milhão de coisas que eu fiz questão de esquecer agora que estou em casa estou me preparando para meu proximo embarque Mas em uma outra função .Não sei se expliquei bem tudo, muita coisa ainda há por trás, quem quiser mais, é só me perguntar! Terei o prazer de ajudar!
Um beijo e ciao!

"Mamagaio Team"
Qual conselho você daria pra quem estas prestes a embarcar?
Bom, se você está prestes a embarcar e não tem como mudar, fazer oque, vai né. Mas não espere que será moleza, porque não vai ser mesmo. Foi um pouco melhor para mim, em relacao a adaptacao, porque eu fui esperando o pior do pior, entao tudo que não era assim tão ruim, era lucro, eu tentei ver o lado bom das coisas também, muito. Seja forte, vai até aonde você não sabe, algo sobre viver a bordo, e sendo snack principalmente, é que nunca sabemos dos nossos limites, um dia voce acha que aquilo foi demais, e que vai embora proque não dá, mas geralmente aquilo é stress, vai descansar, sair, abrir a mente, que tudo melhora, seja forte! Mas não to dizendo para se prender também, cada um tem as suas prioridades, e se não valer a pena para voce, só vc sabe! Pense bem e pese bem! Eu aguentei até aonde eu pudi, quando não quis mais, faltando um mes para vir embora, vim, porque NÃO DAVA, e eu sei muito bem de mim, e não me arrependo nenhum pouco, fui muito mais forte do que eu imaginava, embarquei na Europa, fiz brazilian season, sobrevívi. E voltei para o mamagiaio, mas isso sou eu. 


Obrigado 'Máfia' pelo seu depoimento rsrs, acredito  que irá orientar e informar muitos que como nós, fomos parar a bordo





Nenhum comentário:

Postar um comentário